ESTUDOS CLÍNICOS



Estudos em andamento

Abordagem Orientada a Diretrizes para Redução dos Níveis de Lipídeos – Iniciativa de pesquisa para aumento da qualidade internacional.

Ensaio clínico fase II randomizado, multicêntrico, nacional, que visa avaliar a efetividade da promoção de autocuidado utilizando estratégia multifacetada baseada no envio de mensagens SMS para pacientes com insuficiência cardíaca.

Eficácia e segurança de BI 764198 na prevenção/progressão da ARDS e de complicações relacionadas à ARDS secundárias à COVID-19.

Protocolo 1002-043: Estudo randomizado, duplo-cego e controlado por placebo para avaliar os efeitos do ácido bempedoico (ETC-1002) na ocorrência de eventos cardiovasculares importantes em pacientes com, ou em risco de, doença cardiovascular que são intolerantes a estatinas.

Ensaio clínico randomizado comparando cateter nasal de alto fluxo versus ventilação não-invasiva com pressão positiva na insuficiência respiratória aguda – estudo adaptativo multicêntrico sobre a eficácia e segurança do cateter nasal de alto fluxo para a insuficiência respiratória aguda.

Estudo randomizado, pragmático, multicêntrico, controlado e aberto, avaliando o uso de rivaroxabana em pacientes com COVID-19 leve ou moderado.

Registro Brasileiro de Takotsubo BR-R(Brazilian registry) 2019.

Protocolo DSBR-EDO-01-19: Estudo brasileiro observacional de Edoxabana em pacientes com fibrilação atrial.

Estudo randomizado de larga escala avaliando o controle intensivo da pressão arterial para a redução de eventos cardiovasculares maiores em pacientes com acidente vascular cerebral – Estudo OPTIMAL Acidente Vascular Cerebral.

Avaliação da eficácia da vacinação contra influenza dose dobrada para redução de eventos cardiovasculares maiores após uma síndrome coronariana aguda.

Um estudo de fase 2/3, intervencional, duplo-cego, de dois braços, para investigar a eficácia e segurança do PF- 07321332/ Ritonavir administrado oralmente comparado com placebo em participantes adultos sintomáticos e não hospitalizados com COVID-19 sob baixo risco de progressão para doença grave.

Estudo de fase 2/3 randomizado, duplo-cego, com dupla simulação, controlado por placebo para avaliar a segurança e eficácia de dois regimes de PF- 07321332/ Ritonavir, administrados oralmente para prevenção de infecção sintomática por SARS-COV-2 em contatos domésticos adultos de um indivíduo com COVID-19 sintomática.

Estudos finalizados

Um estudo de fase 2/3, intervencional, duplo-cego, de dois braços, para investigar a eficácia e segurança do PF-07321332/ Ritonavir administrado oralmente, comparado com placebo, em participantes adultos sintomáticos e não hospitalizados com COVID-19, sob maior risco de progressão para doença grave.

Estudo clínico randomizado, pragmático, duplo-cego, controlado por placebo, avaliando hidroxicloroquina para prevenção de hospitalização e complicações respiratórias em pacientes ambulatoriais com diagnóstico confirmado ou provável de COVID-19 – PACIENTES NÃO HOSPITALIZADOS.

Opaganib, um inibidor da esfingosina quinase-2 (SK2) em pneumonia por COVID-19: um estudo de fase 2/3, randomizado, duplo-cego, controlado por placebo, em sujeitos adultos hospitalizados com pneumonia grave por SARS-CoV-2 positivo.

Avaliação das características clínicas, laboratoriais e prognóstico de pacientes infectados pela COVID-19 com lesão cardíaca ou cardiotoxicidade pelo tratamento.

Estudo internacional, multicêntrico, randomizado, duplo-cego, controlado por placebo, para avaliar a eficácia e a segurança da dapagliflozina na insuficiência respiratória em pacientes com COVID-19.

Um estudo de fase 2/3, randomizado, duplo-cego, controlado por placebo para avaliar a eficácia e a segurança do tratamento com mavrilimumabe (KPL-301) em participantes adultos hospitalizados com pneumonia e hiperinflamação severas causadas pela COVID-19.

Estudo multicêntrico, randomizado, duplo cego, controlado por placebo, paralelo para Tofacitinibe em participantes hospitalzados com pneumonia por COVID-19.

Estudo aberto, controlado, de uso de hidroxicloroquina e azitromicina para prevenção de complicações em pacientes com infecção pelo novo coronavírus (COVID-19): Um estudo randomizado e controlado.

Terapia antisenso no bloqueio da via calicreína-cinina na COVID-19.

Ensaio clínico randomizado para avaliação da estratégia de anticoagulação plena em pacientes hospitalizados com infecção por coronavírus (SARS-CoV2)  (ACTION – Anticoagulation coronavirus).

Estudo aberto, controlado, randomizado, de uso de dexametasona em pacientes com síndrome do desconforto respiratório agudo associada ao COVID-19: CASOS GRAVES – CORTICOIDE.

Antivirais para pacientes adultos hospitalizados com infecção por SARS-CoV-2: Estudo randomizado, fase 2/3, multicêntrico, controlado por placebo, duplo cego, adaptativo, com multi-braços e estágio.

Estudo de fase 2/3, randomizado, duplo-cego, controlado por placebo para avaliar a eficácia e a segurança de ABX464 no tratamento de inflamação e na prevenção de insuficiência respiratória aguda associada à COVID-19 em pacientes com ¿ 65 anos de idade e em pacientes com ¿ 18 anos de idade, com pelo menos um fator de risco adicional, que foram infectados por SARS-CoV-2.

Estudo randomizado de larga escala avaliando o controle intensivo da pressão arterial para a redução de eventos cardiovasculares maiores em pacientes com diabetes mellitus.

Ensaio clínico randomizado, fase 2, aberto, de não inferioridade, para explorar a segurança e eficácia de Rivaroxabana em comparação com antagonista da vitamina K em pacientes com fibrilação atrial e prótese de válvula mitral biológica.

I REGISTRO BRASILEIRO DE INSUFICIÊNCIA CARDÍACA.